Programa Na Mão Certa

Duratex organiza eventos em prol ao enfrentamento à exploração sexual nas estradas

A Duratex, patrocinadora bronze do Programa Na Mão Certa, promoveu uma força-tarefa nos últimos meses para sensibilizar e engajar seus fornecedores a respeito da importância do enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nas estradas brasileiras.

Como signatária do Pacto Empresarial Contra a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes nas Rodovias Brasileiras, a empresa se dedicou para contemplar o compromisso 3: estabelecer relações comerciais com fornecedores que estejam compromissados com os princípios do Pacto, ao realizar dois eventos em 2017 - um para os fornecedores específicos de transportes e em outro com os demais provedores de insumos dos seus produtos para conhecerem de forma qualificada o Programa Na Mão Certa.

“A Duratex tem meta de ampliar a divulgação do Programa Na Mão Certa, a conscientização para a proteção de crianças e adolescentes nos negócios da companhia. Os fornecedores são chave para o sucesso desta estratégia”, comenta Luciana Alvarez, Gerente de Sustentabilidade e Comunicação da empresa.

Líder na produção de painéis de madeira e de louças e metais sanitários no Hemisfério Sul, a Duratex possui contrato com cerca de 40 transportadoras, que todos os dias prestam serviços para a companhia por todo o país – seja para levar matéria-prima ou para buscar produtos que serão entregues aos clientes.

Realizado em agosto, no evento exclusivo para as transportadoras o Programa Na Mão Certa foi apresentado e também os relatos da Ritmo Logística e TNT, fornecedoras DURATEX que desenvolvem o programa e compartilharam suas praticas para a proteção de crianças e adolescentes da exploração sexual nas estradas.

Desde 2012, a companhia mantém o programa Gestão de Fornecedores Duratex. No encontro deste ano, apresentou os resultados de uma pesquisa realizada com seus fornecedores, que foram consultados sobre a fragilidade da exploração sexual de crianças e adolescentes em seus negócios. Os resultados relevaram que o tema é considerado de extrema importância, mas que, na prática, não existem ações para o enfrentamento desta violação de direitos humanos. Por isso, em seguida, foi aberto espaço para uma apresentação do Programa Na Mão Certa, estendida por um convite para que as empresas presentes aderissem ao programa.

“A cadeia de fornecimento e nossos fornecedores são extensão dos negócios DURATEX. Compartilhamos os desafios da qualidade e competitividade para as soluções em produtos e serviços, mas em primeiro lugar devemos comungar valores e princípios, como a proteção de crianças e adolescentes contra a exploração sexual”, afirma Julio Cesar Nascimento, Gerente Suprimentos.

 

  Leia também  

Childhood Brasil apresenta Programa na Mão Certa na ONU
Escritório central da Intercement celebra os 10 anos do Programa Na Mão Certa
Lojas Renner mobilizam funcionários com a peça "Somos todos agentes de proteção"

 

Voltar